terça-feira, 4 de maio de 2010

Entre Vampiros.

Eu estava sendo perseguida, mas não conseguia ver por quem. Só conseguia ver árvores a minha frente, e à medida que eu corria, as folhas que estavam no chão voavam atrás de mim. Meu subconsciente gritava: corra mais rápido.

Mas eu não conseguia, minhas pernas não me obedeciam, parecia que cada vez que eu mandava-as correr mais rápido elas iam mais devagar. Acho que no fundo eu não queria ir rápido, queria que a coisa me alcançasse, mesmo eu não sabendo o que era, ou quem era. Minha respiração estava cada vez mais acelerada, adrenalina corria pelas minhas veias, eu sabia que estava em perigo, mas a minha mente estava calma. Minha visão começou a ficar embaçada, não conseguia mais ver por onde estava indo, e de repente eu caí.

Uma mão pálida apareceu logo à frente, e o dono dela era um cara incrivelmente lindo, com os olhos mais azuis e profundos que eu já havia visto. Eu sabia o nome dele, era Eric. Seus cabelos voavam ao redor da sua cabeça, sua pele pálida parecia brilhar a luz da lua, seu corpo perfeito estava curvado em minha direção. Minha mente gritava para mim: Perigo.

Mas eu não conseguia entender, como um cara tão perfeito podia ser perigoso?

Segurei sua mão e apoiei-me nela para ficar de pé.

Ele deu um sorriso, com suas presas aparecendo para mim, aquilo provocou arrepios pelas minhas costas.

Eu não conseguia parar de olhar nos seus olhos, parecia que ele podia ver dentro de mim, ver minha alma, cada sentimento, cada duvida, cada medo. Parecia que ele podia decifrar meus pensamentos, mesmo que eu não pudesse.

- Não tenha medo, – sussurrou ele em uma voz macia como seda. – Eu não a machucarei.

Imediatamente me senti mais calma, o medo que eu estava guardando dentro de mim simplesmente sumiu, sem mais explicações. Sua voz era tão calmante e sedutora, era impossível resistir a ele, em qualquer situação. E, sinceramente, eu não queria resistir mesmo.

Ele se inclinou na minha direção, roçando seu nariz no meu pescoço, cheirando-o.

- Você é tão quente. – disse ele, logo em seguida eu senti uma pontada no meu pescoço, e o sangue fresco sair de mim. Era tão bom, estava me entregando a ele.

Ele tirou o rosto de perto do meu pescoço, dava para sentir as feridas feitas por seus dentes nele. Eu estava tão feliz, mas ele não parecia do mesmo jeito, sua expressão estava séria, como se ele estivesse usando uma mascara.

- Desculpe – disse ele, realmente triste – eu não queria te fazer mal.

Dei um passo em sua direção e rapidamente ele se afastou de mim.

- Por favor, não fuja de mim. - Imediatamente ele parou de recuar, mas eu ainda podia ver a dor em seus olhos, ele estava se torturando. - Eu sou sua Eric – sussurrei, passando meus braços pelo seu pescoço gélido e beijando-lhe na boca suja com o meu sangue.

Acordei na minha cama, o sol batia forte no meu rosto. Olhei para o meu colo e o objeto estava lá.

Apertei o cordão com o brasão da família de Eric, que ele havia me dado, contra o meu peito e me ouvi murmurar:

- Seja o que você for, eu estarei com você. Para sempre.


Hey amores.

Bem, essa história foi feita para a primeira etapa do concurso da Meg Cabot. O tema era 'romance assombrado'. O texto foi modificado porque lá pediam apenas 500 palavras e eu coloquei mais algumas agora rs. E sim, eu sei que o tema vampiros virou modinha mas sou apaixonada por eles, também sou por fantasmas maaaas na hora não me surgiu nada de interessante com esse tema :/ enfim, aproveitem, espero que gostem.

xoxo

12 comentários:

  1. Adorei!!!
    Seus textos são sempre perfeitos *-*



    Bejãooo ;*

    ResponderExcluir
  2. Adorei essa história dos vampiros. Eu queria que continuasse, juro!

    Tem selo pra você lá no meu blog. ;)

    ResponderExcluir
  3. História linda, aah que eu lembrei do meu Edward e da minha Bella *-*

    Tá lindo aqui, fazia dias que nao passava por aqui xD

    Beijos e Boa Noite.

    ResponderExcluir
  4. Adorei essa história dos vampiros. Eu queria que continuasse, juro! ²

    ResponderExcluir
  5. adorei o blog, as historias , tudo (:

    ResponderExcluir
  6. gostei do teu vampiro.. ele tem olho azul! *----------*

    ResponderExcluir
  7. Adorei essa história dos vampiros. Eu queria que continuasse, juro! ³

    ResponderExcluir
  8. Adorei!!!! .. acho que tmb sou apaixonada por vampiros... rs :)

    bjão =^.^=

    ResponderExcluir
  9. Ai amei, perfeito! Eu adoro histórias de vampiros. Por isso mesmo eu tenho todos os livros da saga crepúsculo !

    Vampiros? Por que eles não exitem?

    Beijos, estou te seguindo!
    www.queriaserescritora.blogspot.com
    www.tudocomcaprichoo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. oiie *-*
    tá rolando o 1º sorteio lá no meu blog !!
    http://marcellagiroldo.blogspot.com

    participe!
    bjoss*

    ResponderExcluir
  11. Texto d+! Pq não continua a história? Amei teu blog. Ia adorar receber uma visita sua no meu. Blogdaucha.blogspot.com e o palavrasdeárvoresalheias.blogspot.com

    ResponderExcluir